Sidney Prado jul 10, 2023

13 BRASILEIROS, CINCO BISPOS ELEITOS NA 60ª ASSEMBLEIA GERAL E O PRESIDENTE DA CNBB, PARTICIPARÃO DA ETAPA UNIVERSAL DO SÍNODO

13 BRASILEIROS, CINCO BISPOS ELEITOS NA 60ª ASSEMBLEIA GERAL E O PRESIDENTE DA CNBB, PARTICIPARÃO DA ETAPA UNIVERSAL DO SÍNODO

Da Redação;

A Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos divulgou nesta sexta-feira, (7), o elenco de participantes e delegados à XVI Assembleia Geral Ordinária dos Bispos cuja primeira sessão da fase da etapa universal acontece de 4 a 28 de outubro deste ano, em Roma. Na lista, constam os nomes de 13 brasileiros.

Os nomes dos cinco bispos escolhidos na 60ª Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), realizada em abril deste ano, em Aparecida (SP), para representar o Brasil foram divulgados. O arcebispo de Porto Alegre (RS) e presidente da CNBB, dom Jaime Spengler, também participa da etapa universal como presidente do Conselho Episcopal Latino-Americano e Caribenho (Celam).

No elenco, constam também os nomes de brasileiros indicados como testemunhas do processo sinodal – participantes da Assembleia Continental, membro do Conselho Ordinário da Secretaria Geral do Sínodo, chefe de dicastérios da Cúria Romana e peritos. Confira, abaixo, os brasileiros que constam da lista divulgada pelo Vaticano.

Participantes brasileiros na XVI Assembleia Geral Ordinária do Sínodo 

1. Eleitos pela 60ª Assembleia Geral da CNBB
– Dom Geraldo Lyrio Rocha, arcebispo emérito de Mariana (MG)
– Dom Joel Portella Amado, bispo-auxiliar de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
– Dom Pedro Carlos Cipollini, bispo de Santo André (SP)
– Cardeal Leonardo Ulrich Steiner, arcebispo de Manaus (AM)
– Dom Dirceu de Oliveira Medeiros, bispo de Camaçari (BA)

2. CELAM
– Dom Jaime Spengler, arcebispo de Porto Alegre (RS) e presidente da CNBB e do Celam

3. Testemunhas do processo sinodal – participantes da Assembleia Continental
– Maria Cristina dos Anjos da Conceição – Cáritas Brasileira
– Sônia Gomes de Oliveira – presidente do Conselho Nacional do Laicato do Brasil (CNLB)

4. Membro do Conselho Ordinário da Secretaria Geral do Sínodo
– Cardeal Sergio da Rocha, arcebispo de São Salvador da Bahia (BA)

5. Chefes de dicastérios da Cúria Romana
– Cardeal João Braz de Aviz, prefeito do dicastério para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedade de Vida Apostólica

6. Peritos
– Padre Adelson Araújo dos Santos
– Padre Agenor Brighenti
– Padre Miguel Martin

Confira a lista geral:
Acesse a lista completa divulgada pela Santa Sé (aqui)

Processo no Brasil

Com a publicação em junho de 2023 do Instrumentum Laboris, documento que será a base para o trabalho dos participantes do Sínodo sobre a Sinodalidade, a Equipe de Animação do Sínodo no Brasil realizou uma reunião online, dia 26 de junho, para fazer uma leitura e análise do texto.

A Equipe de Animação do Sínodo no Brasil está organizando uma live, marcada para o dia 3 de agosto, às 20h, e a ser transmitida no Youtube da CNBB para aprofundar o Instumentum Laboris. A proposta é que ela seja direcionada às equipes diocesanas que vão ser responsáveis pela continuidade do processo sinodal

Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.