Stéfano abr 28, 2019

Carta convocação Ano Missionário

São Carlos, 28 de abril de 2019

 

Aos Revmos. Srs. Padres e Diáconos,

Aos Religiosos e todos os Consagrados,

Seminaristas, Leigos e Leigos

“Recebereis a força do Espírito Santo que virá sobre vós e sereis minhas testemunhas em Jerusalém, em toda Judéia e na Samaria, até os confins da terra” (At 1,8). Assumindo essa tarefa apostólica que toca a todos nós cristãos e inspirados pelo Papa Francisco, CONVOCAMOS toda a Igreja Diocesana presente nas 126 paróquias da nossa Diocese de São Carlos a viver o ANO MISSIONÁRIO.

A finalidade deste Ano Missionário consiste em reconhecer, viver e convencer-nos de que a missão é, e, deve tornar-se cada vez mais um modelo da vida e obra de toda a nossa Igreja.

Ao centro desta iniciativa, que nos envolve estará a oração, o testemunho e o anúncio. Refletiremos sobre a centralidade da Missão como um estado permanente de evangelização (Mt 28,19) na vida da Igreja.

Trata-se de colocar a missão de Jesus no coração da própria Igreja,  transformando-a em critério para medir a eficácia das estruturas, os resultados do trabalho, a fecundidade dos seus ministros e a alegria que é capaz de suscitar.

O Santo Padre indicou-nos quatro dimensões para tornar a nossa Igreja mais Missionária: o Encontro Pessoal com Jesus Cristo; o Testemunho; a Formação e a Caridade Missionária.

Caros diocesanos, façamos todo esforço possível de constituirmos em nossas Igrejas Paroquiais as Equipes Missionárias. Num segundo momento nos perguntemos: o que podemos e o que devemos fazer no campo da missão, do anúncio e do testemunho de Jesus Cristo em nosso território paroquial?

Celebremos este Ano Missionário sob a proteção de Maria e nos esforcemos em dar a  nossa Comunidade Paroquial um novo impulso missionário. Ao “contemplar o verdadeiro rosto de Jesus Salvador, aquele que brilhou na Páscoa, possamos descobrir novamente o rosto jovem e belo da Igreja, que brilha quando é missionária, acolhedora, livre, fiel, pobre de meios e rica no amor”[1].

Desejamos que a alegria do anúncio pascal esteja presente em nossas comunidades e no coração de todos. Certos de colher abundantes frutos de conversão pastoral, deixamos a nossa benção apostólica.

Dom Paulo Cezar Costa – Bispo Diocesano de São Carlos

Dom Eduardo Malaspina – Bispo Auxiliar de São Carlos

 

[1] FRANCISCO, Homilia da missa de 13 de Maio de 2017 em Fátima.

Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.