Natal dos Pobres

0
335

Por Assessoria de Imprensa. Colaboração: Eva Caires Paulisso  e Padre Marcelo Aparecido Vicentin 

No domingo, 11, a Pastoral do Povo de rua realizou um encontro para as pessoas em situação de rua. O encontro teve a presença do bispo diocesano, Dom Paulo Cezar Costa, Padre Marco Aurélio, Padre Marcelo Vicentin, o seminarista Renato, consagrados da Fraternidade Toca de Assis, agentes da Pastoral das Pessoas em Situação de Rua e grupos de jovens da cidade de São Carlos.

O “Natal dos Pobres” aconteceu neste ano de 2016 contabilizando sua 4ª edição. Toda uma programação de atividades foi montada para proporcionar às pessoas em situação de rua corte de cabelo, banho, café da manhã, almoço, presentes natalinos, recreação com jogos e músicas, danças, momento de oração e uma celebração Eucarística.

Com a ajuda de voluntários, a Pastoral providenciou transporte para buscar e levar as pessoas em diferentes pontos da cidade. O evento contou com a presença de 80 pessoas em situação de rua.

A Pastoral do Povo de Rua

Há seis anos a Pastoral do Povo de rua está atuante na cidade de São Carlos. Através de voluntários e agentes realizam visitas às pessoas em situação de rua toda segunda-feira. Ao encontro dos mais necessitados garantem-lhes: marmitas, roupas, material de higiene pessoal, e suco. Hoje a Pastoral atende  aproximadamente 110 pessoas. Além de todo atendimento material garantem às pessoas uma humanização através da escuta e oração.

A Pastoral surgiu na paróquia São João Batista de São Carlos no ano 2000, com a iniciativa de um membro da Toca de Assis, hoje Irmão Batista e o apoio do Padre Jorge Nahra, pároco na época. Atualmente a pastoral conta com um número expressivo de voluntários que doam recursos materiais e, também, o tempo que empregam nas visitas. Todo este trabalho está sob a coordenação de Eva Caires Paulisso da Paróquia São João Batista de São Carlos e realiza trabalhos em conjunto com as paróquias de São Sebastião e Santa Edwiges. O pe. Marcelo Vicentin é o Pároco da Paróquia São João Batista e diretor espiritual da Pastoral, ele e a Pastoral contam ainda com o apoio do Padre Marco Aurélio que os auxilia segunda-feira, realizando as visitas com os agentes e atendendo confissões, dando bênçãos às pessoas em situação de rua.

Deixe uma resposta