Dom Paulo Cezar e representantes da diocese participam de assembleia em preparação ao ano do Laicato

0
870

Da Redação do Setor  de Comunicação da Diocese de São Carlos

Com informações da CNBB Sul 1 / Foto: Divulgação

Dom Paulo Cezar Costa, nosso Bispo Diocesano, incia participação, na tarde desta sexta-feira, 20, na 39ª Assembleia das Igrejas Particulares desta região da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que compreende as dioceses do estado de São Paulo. Acompanhado do coordenador Diocesano de Pastoral, Padre Marcelo Aparecido de Souza, junto dos leigos de nossa Diocese, a senhora Cinira Giaconi Mazoti e Fabiano Castilho, Dom Paulo participa do encontro que se encerra neste domingo (22), no Centro de Espiritualidade Inaciana.

Demais Bispos, padres, leigos e leigas da regional sul 1 da CNBB estão reunido em Itaici, Indaiatuba, SP, participando desta 39ª Assembleia cuja tempatica se fará em torno do próprio Ano do Laicato à luz do documento 105 “Cristãos leigos e leigas na Igreja e na Sociedade: Sal da terra e luz do mundo”.

A abertura foi presidida pelo arcebispo metropolitano da arquidiocese de Campinas e presidente do Regional Sul 1 da CNBB, dom Airton José dos Santos.

Logo mais às 16h30, terá a conferência de abertura com o conferencista o assessor do Setor Leigo da Comissão da CNBB, Laudelino Augusto dos Santos Azevedo. O tema central desta conferência é “Formação dos cristãos leigos e leigas para a participação na vida social e política como um processo de iniciação a Vida Cristã”.

No sábado (21) as atividades serão das 7h às 20h30. A programação se encerra às 12h do domingo (22).

Entre os vários temas a serem abordados, destaque para “O Processo de Iniciação à Vida Cristã para formar cristãos leigos e leigas para a participação à vida social e política” e “Ano do Laicato”.

Segundo o Estatuto do Regional, a Assembleia das Igrejas particulares é órgão que expressa a comunhão, a participação e a missão das Dioceses deste Regional e chama-se Assembleia das Igrejas porque tem a participação de leigas e leigos que atuam nas Igrejas locais.

 

 

Deixe uma resposta