Dom Paulo celebra no Santuário da Mãe Rainha de Schoenstatt

0
972

Por Sidney Prado

No último Sábado, 08, o nosso Bispo, Dom Paulo Cezar Costa,visitou o Santuário da Mãe Rainha de Schoenstatt, em Araraquara. Na ocasião a Irmã Mariane, responsável pelo Santuário, antes da Celebração Eucarística, apresentou todos os grupos de trabalho integrantes do Santuário e após Dom Paulo, celebrou a Santa Missa.

Confira a homilia de Dom Paulo:

Conheça agora um pouco da História dessa linda Devoção.

Nossa Senhora de Schoenstatt

Em Schoenstatt, Alemanha, o Pe. Jose Kentenich e um grupo de alunos realizou uma aliança de amor com Nossa Senhora a 18 de outubro de 1914. No Santuário de Schoenstatt, Maria Santíssima é venerada como Mãe rainha e vencedora três vezes admirável de Schoenstatt.

Mãe, porque ela nos foi dada como mãe pelo próprio Cristo na cruz. Rainha, porque é mãe de Cristo, o Rei do Universo. Vencedora porque Deus lhe concedeu o poder de vencer e triunfar em todas as batalhas contra os poderes diabólicos. Três Vezes Admirável pela grandeza de sua posição junto à Trindade, como filha predileta do Pai, mãe do Filho e esposa do Espírito Santo. Também por ser Mãe de Deus, Mãe do Redentor e Mãe dos Remidos.

De Schoenstatt porque é o nome do lugar escolhido para estabelecer esse Santuário.
Schoenstatt significa ” Belo Lugar “, a imagem da Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, é enviada a partir do Santuário em Schoenstatt para visitar seus filhos, especialmente em seus lares. As famílias recebem a imagem Peregrina e são chamadas a transformar seus lares em um “belo lugar”, num pequeno Santuário, numa Igreja Doméstica.

No Brasil, o Fundador Pe. José Kentenich inaugurou um Santuário em Santa Maria (RS) no dia 11 de abril de 1948. No ano de 1950, o Diácono João Pozzobon recebeu uma imagem da Mãe Três Vezes Admirável para levá-la às famílias e rezar o terço com as mesmas. A imagem foi-lhe dada por Ir. M. Terezinha Gobbo, na época responsável pelo Movimento de Schoenstatt no Brasil. O Sr. João caminhou mais de 140.000 km para levar a imagem Peregrina às famílias em seus lares, bem como hospitais, escolas e presídios, incentivando a devoção do rosário e a freqüência aos sacramentos.

Em 1979 a partir da visita do Sr. João a Roma e a Schoenstatt com a imagem Peregrina o movimento assumiu dimensões mundiais crescendo rapidamente nos últimos anos. O Sr. João dedicou-se a família e a sua missão mariana, graças a ele, várias famílias recebem a Imagem da Mãe Peregrina, portadora das Graças do Santuário de Schoenstatt.
A Imagem Peregrina tem moldura no formato que lembra a silhueta do Santuário em Schoenstatt. A Mãe de Deus vai ao encontro dos homens, trazendo Jesus nos braços, para caminhar com eles ao encontro de Deus, nosso Pai amoroso.

É necessário preparar os corações para acolher Maria, a Mãe Três Vezes Admirável, lembrando que ela traz Jesus nos braços, seu Divino Filho, que nos traz suas graças.


Mãe Rainha Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt

Ó minha Senhora e Minha Mãe, eu me ofereço todo a vós e, em prova de minha devoção para convosco, vos consagro, neste dia, meus olhos, meus ouvidos, minha boca, meu coração e, inteiramente, todo o meu ser. E porque assim sou vosso, ó incomparável Mãe, guardai-me, defendei-me, como filho e propriedade vossa. Confio em teu poder e em tua bondade, em ti confio com filialidade. Confio cego, em toda a situação, Mãe Rainha Três Vezes Vencedora Admirável de Schoenstatt, no teu Filho e em tua proteção.Amém!

Santuário Mãe Rainha

Fotos: Silvia e Flávio Ferraz / Edson Fernando Sudan

Deixe uma resposta